Cardiologista / BH

Dr. Paulo Antonio Scarpelli

CRM 5037

    A cardiologia é a especialidade responsável por estudar, diagnosticar e tratar as doenças relacionadas ao coração e grandes vasos. Já a cirurgia cardíaca é a subespecialidade médica que se ocupa do tratamento cirúrgico das doenças que acometem o coração.

    Os médicos que se especializam na cardiologia são chamados cardiologistas e são responsáveis para a gestão médica de várias doenças cardíacas. Os cirurgiões cardíacos são os médicos do especialista que executam procedimentos cirúrgicos para corrigir desordens de coração.

  • hipertensão (pressão alta) e hipotensão (pressão baixa)
  • alterações nos batimentos cardíacos (arritmias)
  • doenças da válvula cardíaca
  • doença arterial coronariana (infarto)
  • paradas cardíacas
  • disfunções da aorta
  • pericardite
  • doenças cardíacas congênitas
  • insuficiência cardíaca
  • doenças vasculares
  • Risco cirúrgico
  • Risco cirúrgico
  • Palpitações
  • Atendimento adulto e infantil

AGENDE POR TELEFONE
(31) 3231-7500

Nossa Estrutura

Quando devo consultar um Cardiologista?

Deve-se consultar um cardiologista, basicamente, em duas situações: para orientação preventiva e para tratamento de alguma doença.
I-Cardiologia Preventiva:
a- Sabendo que a maior causa de morte atualmente é por problemas cardiovasculares e ao que tudo indica, essa incidência tende a aumentar, todos os adultos, a partir de 18 anos de idade, mesmo que aparentemente saudáveis, deveriam consultar, o cardiologista, para se orientarem, adequadamente, a respeito de seus próprios riscos cardíacos e da diversas possibilidades atuais oferecidas como tratamento preventivo .
Apesar das altas taxas de mortalidade por problemas cardiovasculares, é importante deixar bem claro que a maioria das complicações podem ser evitadas quando o diagnóstico é precoce e o paciente investe na PREVENÇÃO.
b-Antes de iniciar qualquer tipo de atividade física
c-Antes de submeter-se a algum procedimento cirúrgico.

Como saber que a dor é do coração?
O coração está localizado no tórax por isso a isquemia, ou seja a diminuição da chegada de sangue nesse órgão, pode provocar dor , desconforto ou pressão em qualquer local dessa região, inclusive no estomago, e dorso. Essa dor também pode irradiar-se para os braços e queixo.
A dor precordial típica é opressiva, como se algo estivesse apertando fortemente o preçórdio. Muitas vezes ela vem acompanhada de sudorese, palidez, sensação de morte, falta de ar ou dificuldade para respirar.

Como saber que a (dispnéia) falta de ar é devido a algum problema no coração?
É um desconforto respiratório, fazendo com que o paciente aumente a freqüência e a intensidade da respiração. A falta de ar pode ser decorrente tanto de doenças pulmonares quanto cardíacas. Quando é devido a problema cardíaco, geralmente é conseqüente `a incapacidade do coração de bombear adequadamente o sangue, como na, insuficiência cardíaca e valvopatia mitral. Nessas situações , o aumento da pressão no coração, mais especificamente, no átrio esquerdo, transmite essa pressão para os vasos do pulmão e ocorre extravasammento de liquido para o interstício do pulmão. Temos: Dispnéia de esforço – falta de ar que ocorre conforme o paciente aumenta a atividade física
Dispnéia de decúbito ou Ortopneia – quando o paciente só consegue dormir com a elevação do tronco, usando diversos travesseiros para ficar alto. As vezes os pacientes necessitam sentar na beira da cama, com os pés para fora, para diminuir o retorno venoso e melhorar os movimentos respiratórios.

Localização

Os consultórios Med One estão localizadas em áreas privilegiadas, priorizando a comodidade e a segurança dos clientes.

Unidade Funcionários

Rua Guajajaras, 40 - sala 905 / 9º andar

Funcionários - Belo Horizonte - MG

(31) 3231-7500

Unidade Funcionários

Rua Guajajaras, 40 - sala 905 / 9º andar

Funcionários - Belo Horizonte - MG

(31) 3231-7500

WhatsApp chat